Farmacêutica

Neurologia na Roche

A última década foi marcada por grandes avanços na compreensão do funcionamento do cérebro e do sistema nervoso, o que proporciona diversas oportunidades no combate às doenças que acometem esse sistema. A área de neurologia da Roche tem investido em pesquisas sobre o que há por trás dos distúrbios neurológicos, focando nos campos com alta necessidade médica ainda não atendida por medicamentos aprovados, eficazes ou seguros.

Impacto das doenças neurológicas no mundo

  • 700 milhões de casos de transtornos mentais e neurológicas por ano;
  • 7 a 10 milhões de pessoas diagnosticadas com doença de Parkinson;
  • 24 milhões vivem com esquizofrenia;
  • 46 milhões têm demência;
  • 350 milhões de casos reportados de ao menos um episódio de depressão. 

Pesquisas e desenvolvimento em neurologia na Roche 

As pesquisas desenvolvidas pela Roche na área de neurologia se dividem em três grandes frentes:

Transtornos psiquiátricos

Inclui esquizofrenia e depressão resistente ao tratamento. Na esquizofrenia, o objetivo é melhorar os sintomas e a cognição. Na depressão resistente, a Roche busca atender os 35% dos pacientes que não respondem ao tratamento padrão.

Doenças neurodegenerativas

Inclui as doenças de Parkinson, de Alzheimer e a esclerose múltipla. O objetivo é promover o diagnóstico precoce e o tratamento específico com base em biomarcadores.

Desordens no desenvolvimento neurológico 

Inclui doenças como autismo e as síndromes de Down e do X-Frágil. As pesquisas se concentram no tratamento dos sistemas nucleares, como dificuldade nas interações sociais, déficits de comunicação e comportamentos repetitivos. 

 

Referências
http://www.ifpma.org/subtopics/mental-and- neurological-disorders/, acessado em 01/12/16;
http://www.pdf.org/en/parkinson_statistics, acessado em 01/12/16;
http://www.who.int/mediacentre/factsheets/fs397/en/, acessado em 01/12/2016;
http://www.who.int/mediacentre/factsheets/fs362/en/, acessado em 01/12/16;
http://www.who.int/mediacentre/factsheets/fs369/en/, acessado em 01/12/16.