Imprensa

FDA aprova primeiro tratamento para arterite temporal em adultos

São Paulo, 25 de maio de 2017 – O FDA (Food and Drug Administration), órgão regulatório dos Estados Unidos, anunciou a aprovação do medicamento tocilizumabe, comercialmente chamado de Actemra®/RoActemra®, para o tratamento de arterite temporal. Desenvolvido pela farmacêutica suíça Roche, este é o primeiro medicamento aprovado para tratar pacientes adultos com arterite de células gigantes, uma doença autoimune, considerada uma emergência médica não atendida, que afeta um número estimado de 2 a cada mil pessoas no mundo todo, principalmente adultos acima de 50 anos¹.


Conhecida como arterite temporal, a doença se caracteriza pela inflamação nos vasos sanguíneos do sistema carotídeo, particularmente as artérias cranianas. Caso não tratada adequadamente, a doença pode causar cegueira permanente em até 20% dos pacientes². “A aprovação reforça o compromisso da empresa em transformar conhecimento científico em benefícios para a sociedade e atender estes pacientes que até então não tinham um tratamento eficiente e seguro”, explica Lênio Alvarenga, diretor médico da Roche Farma Brasil.  O próximo passo é trazer os estudos para a aprovação do medicamento no Brasil.

 

O tocilzumabe é uma molécula biológica anti-receptor de IL-6 que pode ser aplicada em formações intravenosa e subcutâneas. A aprovação baseia-se no resultado positivo do estudo fase III GiACTA³ que demonstrou que a droga combinada inicialmente com esteroides conseguiu uma remissão mais eficaz ao longo de 52 semanas.

 

A arterite de células gigantes é muitas vezes difícil de diagnosticar devido aos vários e amplos sintomas, como dores de cabeça, dor na mandíbula e sintomas visuais. Até então, o tratamento era limitado a doses elevadas de esteroides ou corticoides, como uma opção de emergência "eficaz" para evitar danos como perda de visão, aneurisma da aorta ou acidente vascular cerebral. Mas o uso dessas alternativas podem causar outras complicações para o paciente, entre ela osteoporose, aumento de peso, diabetes, hipertensão e até catarata.

Sobre a Roche

A Roche é uma empresa global, pioneira em produtos farmacêuticos e de diagnóstico, dedicada a desenvolver avanços da ciência que melhorem a vida das pessoas. Combinando as forças das divisões Farmacêutica e Diagnóstica, a Roche se tornou líder em medicina personalizada - estratégia que visa encontrar o tratamento certo para cada paciente, da melhor forma possível.

É considerada a maior empresa de biotecnologia do mundo, com medicamentos verdadeiramente diferenciados nas áreas de oncologia, imunologia, infectologia, oftalmologia e doenças do sistema nervoso central. É também líder mundial em diagnóstico in vitro e tecidual do câncer, além de ocupar posição de destaque no gerenciamento do diabetes. Fundada em 1896, a Roche busca constantemente meios mais eficazes para prevenir, diagnosticar e tratar doenças, contribuindo de modo sustentável para a sociedade. A empresa também visa melhorar o acesso dos pacientes às inovações médicas trabalhando em parceria com todos os públicos envolvidos. Vinte e nove medicamentos desenvolvidos pela Roche fazem parte da Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial da Saúde, entre eles, antibióticos que podem salvar vidas, antimaláricos e terapias contra o câncer. Pelo oitavo ano consecutivo, a Roche foi reconhecida como a empresa mais sustentável do grupo Indústria Farmacêutica, Biotecnologia e Ciências da Vida pelos Índices Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI).

Com sede em Basileia, na Suíça, o Grupo Roche atua em mais de 100 países e, em 2016, empregou mais de 94.000 pessoas em todo o mundo. No mesmo ano, a Roche investiu 9,9 bilhões de francos suíços em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e suas vendas alcançaram 50,6 bilhões de francos suíços. A Genentech, nos Estados Unidos, é um membro integral do Grupo Roche. A Roche é acionista majoritária da Chugai Pharmaceutical, no Japão. Para mais informações, visite www.roche.com.br.

 

Referências

1.       Artrite de células gigantes (Arterite temporal): causas, sintomas e tratamentos (Dr. Consulta) - https://blog.drconsulta.com/2016/12/arterite-de-celulas-gigantes-arterite-temporal-causas-sintomas-e-tratamentos/

2.       Arterite temporal (AbcMed) - http://www.inca.gov.br/estimativa/2016/tabelaestados.asp?UF=BR

3.       Fase III do estudo Actemra/RoActemra - http://www.roche.com/dam/jcr:07a0ce81-2d9a-4bae-ba86-3186d5df2242/en/med-cor-2016-06-06-e.pdf

 

 

Contatos para a imprensa

In Press Porter Novelli

Brunna Mariel | brunna.mariel@inpresspni.com.br | 11 4871-1488 | 11 98284-2067