Por dentro da Roche

Acesso à saúde: um tema de todos

Roche desenvolve ações em parceria com governos, iniciativa privada e associações médicas e de pacientes para ampliar o acesso à saúde.

 

É fato que os avanços da Ciência ao desenvolver novas soluções em saúde, principalmente em doenças complexas, abrem uma perspectiva muito importante para pacientes e médicos, que passam a ter mais qualidade de tempo de vida, além de opções terapêuticas. No entanto, há um elemento essencial para que a inovação esteja disponível no dia a dia da sociedade: o acesso de qualidade ao sistema de saúde.

Neste sentido, apesar de muitas vitórias, ainda há um caminho a percorrer, que exige o envolvimento de todo os agentes da cadeia: indústria, governo, médicos, associações de pacientes, agências regulatórias, entre outros. É o que mostra o estudo Global Burden of Disease sobre qualidade e acesso à saúde, que foi realizado em 195 países entre 1990 e 2015. Segundo o estudo, o Brasil progrediu nos últimos anos, mas ainda há desigualdades que precisam ser combatidas.

 

Abordagens personalizadas para tornar realidade o acesso à saúde de qualidade

O olhar personalizado para a realidade do Brasil é um direcionador para iniciativas eficazes no promoção de acesso à saúde, já que estamos em um país com dimensões continentais.

Vale visitar iniciativas internacionais interessantes para sanar alguns dos complexos problemas da saúde. Em comum, essas iniciativas têm como foco a gestão de recursos adequada às necessidades da população e dos locais em que vivem. Exemplos de atendimento que são, predominantemente, privados, como é o caso dos Estados Unidos, com seu modelo liberal, ou do modelo europeu, cujos serviços particulares são financiados pelo governo; até a saúde com (forte financiamento público) da Espanha e Finlândia. A Itália que, além do tradicional fundo de reserva para atendimento básico, implementou outro, voltado à incorporação de novas tecnologias – diferente do Brasil, que possui uma única reserva para custeio da saúde - do sistema básico ao de alta complexidade.

 

Aumento da conscientização sobre doenças ajuda pacientes

Além do acesso à saúde de qualidade, a população também enfrenta um grande problema em relação ao conhecimento sobre as doenças. Por isto, muitos pacientes descobrem doenças já em estágios avançados, o que reduz, significativamente, as chances de cura.

Para levar mais informações aos pacientes e incentivar os cuidados com a saúde, a Roche realiza, em parceria com sociedades médicas e associações de pacientes, campanhas de conscientização sobre diversas doenças. A relação direta com os pacientes também é considerada muito importante pela Roche, que busca fortalecer as associações de pacientes com projetos de capacitação e apoio a iniciativas que tragam melhorias ao sistema de saúde.

 

Conteúdos relacionados no site da Roche

 

 

Referências

http://www.thelancet.com/pdfs/journals/lancet/PIIS0140-6736(17)30818-8.pdf - acessado em 01/02/2018.

roche.com.br