Trabalhe Conosco

Roche – Nossa Gente - Michélle França Fabiani

Conheça Michélle França Fabiani

 

Em 2004, a médica entrou em um setor que, até então, era completamente desconhecido para ela: o da indústria farmacêutica.

 

Quem disse que lugar de médico é apenas no consultório ou no hospital? Formada em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, com especialização em endocrinologia e metabologia pela Universidade de São Paulo, Michelle ingressou na Roche Farma Brasil como consultora médica em 2004. Na época, a profissional se identificou com o propósito da empresa - que busca continuamente a inovação para promover mudanças significativas na vida dos pacientes, percebendo que a mesma atitude é demonstrada pelos funcionários no dia a dia. Foi este propósito que trouxe, e segue oferecendo, um significado especial para o seu trabalho, afirma Fabiani.

 

"O que me conectou de imediato com a Roche foi a sua missão como empresa na área da saúde”.

 

Durante os últimos anos, Michélle teve a chance de participar de inúmeros projetos, em colaboração com várias áreas, em diferentes unidades da Roche. "Ter a oportunidade de trabalhar diariamente com pessoas de formação e experiências diversas é algo empolgante”, conta Fabiani. “O propósito é engajador, somado ao aprendizado a proposta segue atrativa para minha vida e carreira”.

 

Atualmente, como líder médica na área de Oncologia, Michélle detalha a experiência de ser gestora: “me sinto muito feliz em poder conhecer melhor as pessoas e seus interesses profissionais e, de alguma forma, poder contribuir com o desenvolvimento das carreiras delas. Sempre reforço o quanto o nosso propósito é diferenciado e motivador".

 

Ligação pessoal

 

"Conheci o meu marido por meio de uma colega da empresa. Eles participavam de um grupo de corrida. Depois de muita insistência, acabei indo correr com o grupo". Hoje, Michele e o marido são pais do Luis Henrique e da Ana Luisa. "Aproveitei muito os dois períodos de seis meses de licença maternidade que a Roche oferece, algo que seria muito mais difícil se eu trabalhasse apenas no consultório. Esse tempo com eles foi fundamental”, finaliza.

 

Conteúdo relacionado no site da Roche