Media Release

10.06.2021

Imunoterapia ajuda pessoas com câncer de pulmão em estágio inicial a viver muito mais tempo sem a doença

Este tipo de câncer é um dos mais letais e os avanços da ciência têm sido promissores para aumentar as chances de cura e o controle da doença

 

Resultados iniciais do estudo de fase III IMpower010, anunciados pela Roche nesta quinta-feira (20/05), mostram que o tratamento com atezolizumabe após cirurgia e quimioterapia reduziu, de forma inédita, o risco de recorrência da doença ou morte (sobrevida livre de doença) em 34% em pessoas com câncer de pulmão de não pequenas células em estágio II-IIIA, que sejam positivas para o biomarcador PD-L1. Os resultados completos do IMpower010 serão apresentados no dia 6 de junho (domingo), durante o ASCO Annual Meeting 2021, o maior evento de oncologia do mundo.

 

Esses dados de fase III são históricos e demonstram, pela primeira vez, que a imunoterapia pode trazer uma melhora clinicamente significativa para esse perfil de pessoas com câncer de pulmão em estágio inicial, segundo o diretor de Acesso e Médico da Roche Farma Brasil, Lenio Alvarenga. “Esse avanço estabelece as bases para uma nova abordagem para o tratamento do câncer de pulmão em estágio inicial e nos aproxima de nosso objetivo de fornecer uma opção de tratamento eficaz e personalizada para cada pessoa diagnosticada com essa doença”, diz.

 

O câncer de pulmão é uma das principais causas de morte em todo o mundo. A cada ano, 1,8 milhão de pessoas morrem em consequência da doença; isso se traduz em mais de 4.900 mortes em todo o mundo diariamente. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de pulmão é o que ocasiona mais mortes de homens no paíse o segundo mais letal entre as mulheres, atrás somente dos tumores de mama. No Brasil, são quase 30 mil mortes por ano por este tipo de câncer. Ele também é um dos mais incidentes: o terceiro entre homens (17,7 mil novos casos ao ano) e o quarto entre mulheres (12,4 mil novos casos ao ano). O câncer de pulmão não pequenas células é o tipo mais prevalente, sendo responsável por 85% dos casos.

 

O objetivo da terapia adjuvante (pós-cirurgia) é diminuir o risco de recorrência e propiciar mais chances de cura. Ainda assim, 50% dos pacientes com esse tipo de câncer de pulmão desenvolvem recorrência da doença após tratamento com intenção curativa. Com o atual padrão de tratamento – quimioterapia adjuvante à base de platina - somente 4% a 5% dos pacientes permanecem vivos em cinco anos.

 

A imunoterapia com atezolizumabe já havia demonstrado benefícios clinicamente significativos em vários tipos de câncer de pulmão, tendo cinco indicações aprovadas ao redor do mundo, inclusive no Brasil. A Roche tem um extenso programa de desenvolvimento do medicamento, incluindo vários estudos de fase III em andamento e planejados em diferentes configurações de câncer de pulmão, geniturinário, pele, mama, gastrointestinal, ginecológico e de cabeça e pescoço. Isso inclui estudos avaliando atezolizumabe sozinho e em combinação com outros medicamentos, bem como estudos na fase  metastática, adjuvantes e neoadjuvantes em vários tipos de tumor.

 

Sobre a Roche na imunoterapia contra o câncer

 

Com mais de 20 moléculas em desenvolvimento, a Roche está investigando os benefícios potenciais da imunoterapia sozinha e em combinação com quimioterapia, terapias direcionadas ou outras imunoterapias com o objetivo de fornecer a cada pessoa um tratamento feito sob medida para aproveitar seu próprio sistema imunológico exclusivo para atacar o câncer. Para mais informações sobre a abordagem científica da Roche em imunoterapia contra o câncer, acesse o link.

 

Serviço

Por ocasião do ASCO Annual Meeting 2021, a Roche lançará uma sala de imprensa de oncologia para que os jornalistas interessados tenham acesso a materiais exclusivos que compartilham percepções sobre os dados, visão e estratégia mais recentes da Roche para buscar e promover o progresso científico a fim de melhorar a vida das pessoas que vivem com câncer. A sala de imprensa estará disponível na terça-feira, 1º de junho, aberta a jornalistas de fora dos EUA. Para acessar, basta se cadastrar neste link: https://oncologyresearchmedia.roche.com.

 

Sobre a Roche

A Roche é uma empresa global, pioneira em produtos farmacêuticos e de diagnóstico, dedicada a desenvolver avanços da ciência que melhorem a vida das pessoas. Combinando as forças das divisões Farmacêutica e Diagnóstica, a Roche se tornou líder em medicina personalizada - estratégia que visa encontrar o tratamento certo para cada paciente, da melhor forma possível.

É considerada a maior empresa de biotecnologia do mundo, com medicamentos verdadeiramente diferenciados nas áreas de oncologia, imunologia, infectologia, oftalmologia e doenças do sistema nervoso central. É também líder mundial em diagnóstico in vitro e tecidual do câncer, além de ocupar posição de destaque no gerenciamento do diabetes.

Fundada em 1896, a Roche busca constantemente meios mais eficazes para prevenir, diagnosticar e tratar doenças, contribuindo de modo sustentável para a sociedade. A empresa também visa melhorar o acesso dos pacientes às inovações médicas trabalhando em parceria com todos os públicos envolvidos. Trinta medicamentos desenvolvidos pela Roche fazem parte da Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial da Saúde, entre eles, antibióticos que podem salvar vidas, antimaláricos e terapias contra o câncer, entre eles, antibióticos que podem salvar vidas, antimaláricos e terapias contra o câncer. Além disso, pelo 11º ano consecutivo, a Roche foi reconhecida como a empresa mais sustentável na Indústria Farmacêutica pelos Índices de Sustentabilidade Dow Jones (DJSI).

Com sede em Basileia, na Suíça, o Grupo Roche atua em mais de 100 países e, em 2018, empregou cerca de 94.000 pessoas em todo o mundo. No mesmo ano, a Roche investiu 11 bilhões de francos suíços em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e suas vendas alcançaram 56,8 bilhões de francos suíços. A Genentech, nos Estados Unidos, é um membro integral do Grupo Roche. A Roche é acionista majoritária da Chugai Pharmaceutical, no Japão. Para mais informações, visite www.roche.com.br

 

Contato para a imprensa:

[email protected]