Desafio Plurais: a escolha pela agilidade e assertividade no diagnóstico de doenças raras

Software Midas é o grande vencedor do Desafio

 

O Projeto Desafio Plurais, construído em 2020 fruto de uma ação entre a Roche e a Eretz.bio (incubadora de startups de saúde do Einstein), foi criado visando melhorias no ecossistema de saúde e nos gargalos contidos no mesmo, especialmente buscando soluções de tecnologia, produtos e serviços para facilitar, por exemplo, diagnósticos precoces de doenças raras, um dos maiores desafios do setor.

 

“A demora no diagnóstico e, como consequência, no início do tratamento adequado, impacta não só a saúde dos pacientes, mas na sustentabilidade do ecossistema como um todo. Entendemos que a inovação precisava ir além dos medicamentos que desenvolvemos na Roche e por isso fomos em busca de parceiros com ideias que melhorassem o sistema de saúde de forma ampla, incluindo os pacientes raros”, afirma Bianca Silva, Parceira de Parceria de Marketing e Ecossistema de Saúde.

 

O projeto obteve uma aderência expressiva de empresas inovadoras no setor de saúde, recebendo 60 projetos inscritos, porém o escolhido como vencedor do Projeto Desafio Plurais foi o Software Midas.

 

O Midas (“MEDICAL INTERACTIVE DIAGNOSIS AID SYSTEM”) é um software de inteligência artificial que auxilia o médico em seu raciocínio clínico durante o pronto atendimento, descartando ou alertando hipóteses diagnósticas com agilidade e precisão.

 

"Ao incluir doenças raras nessas hipóteses, transformamos esse momento de contato presencial com o paciente em uma oportunidade de iniciar a investigação de uma patologia de diagnóstico mais complexo e menos frequente e - por isso mesmo - que costuma ser mais demorado por muitas vezes não fazer parte do dia a dia daquele profissional", explica Julio Cesar Gali Filho, médico e desenvolvedor do Midas.

 

Nossa ambição na Roche, "No patient left behind" nos impulsiona diariamente a procurar parceiros estratégicos no mundo da Inovação. Projetos como o Desafios Plurais são essenciais para que possamos solucionar gargalos do ecossistema da saúde de forma assertiva e ágil.