#Envolva-se: aliança pelo cuidado da peça cirúrgica removida durante a biópsia de mama

Roche lança projeto que tem como objetivo garantir a qualidade da amostra e levar informações sobre o tema

 

A biópsia de mama é um exame de diagnóstico cujo objetivo é saber se na amostra retirada da paciente há presença de câncer ou não. Consiste na remoção de uma parte do tecido mamário, que é analisada e interpretada por meio de exames laboratoriais, capazes de diagnosticar a doença. Caso as células cancerígenas estejam presentes na amostra, o patologista irá determinar o tipo de câncer. Entretanto, existem alguns gargalos nesta jornada da amostra, que podem impactar diretamente o diagnóstico e a definição de tratamento da paciente.  Entre eles estão erros de armazenamento, transporte e identificação, que podem resultar em má interpretação dos resultados e perda de informações importantes.

 

Um estudo publicado pela Brazilian Journal of Oncology¹ apontou que um grupo de especialistas reconheceu problemas  frequentes de comunicação entre os profissionais da equipe multidisciplinar responsável pela amostra cirúrgica de mama. Além disso, no Brasil, a maioria dos centros não possui todas as especialidades necessárias para uma triagem adequada, diagnóstico e tratamento do câncer de mama, e a maioria dos profissionais não são especializados ou exclusivamente dedicados ao tema. Esta situação pode causar problemas na interação entre os profissionais e consequentemente no resultado final.

 

Pensando neste cenário, a Roche lançou o projeto #Envolva-se, que tem como objetivo garantir a implementação de uma jornada da amostra cirúrgica de excelência em todas as instituições públicas, por meio da educação médica multidisciplinar e da criação de protocolos para todas as etapas do processo, garantindo diagnóstico correto e tratamento adequado para todas as pacientes com câncer de mama no Brasil.

 

A equipe encarregada pelo projeto é formada por patologistas, mastologistas, histotécnicos, oncologistas e enfermeiras do centro cirúrgico, responsáveis pela construção desses conteúdos e pela manutenção e relacionamento com as quatro sociedades médicas parceiras: Sociedade Brasileira de Mastologia, Sociedade Brasileira de Patologia, Sociedade Brasileira das Enfermeiras do Centro Cirúrgico e Sociedade Brasileira dos Histotécnicos.

 

A premissa da iniciativa se baseia na discussão, divulgação e democratização das informações referentes à Jornada da Amostra, para que todo o ecossistema brasileiro se articule na construção de uma legislação que garanta a qualidade da amostra cirúrgica no país, além de contribuir no enfrentamento pós pandemia, preparando as instituições no pilar diagnóstico, a fim de garantir a execução de excelência na análise das biópsias, quando o fluxo se restabelecer. A atuação é feita de forma integrada, contribuindo para o desenvolvimento de políticas públicas de saúde.

 

“O #Envolva-se beneficiará todos os envolvidos nesta jornada, mas principalmente o paciente, afinal, eles estão sempre no centro das nossas decisões. Uma peça bem conservada, transportada e armazenada, propiciará aos profissionais melhores condições e informações para tomadas de decisões mais assertivas aos pacientes. Todos precisam se envolver.”, afirma Andreza Cordeiro, Parceira de Ciência e Valor na Roche e responsável pelo projeto. 

O grande objetivo é que, juntos, possamos salvar mais vidas e não deixar nenhum paciente para trás. Faça parte dessa aliança, envolva-se!

 

1. https://www.brazilianjournalofoncology.com.br/details/126/en-US/challenges-in-the-journey-of-breast-cancer-patients-in-brazil