Cenário da COVID-19 no Brasil

Nosso compromisso com a segurança e o bem-estar da sociedade segue firme

 

O que é a COVID-19?

 

Segundo o Ministério da Sáude, o coronavírus é uma família de vírus que provoca infecções nas vias respiratórias, causadores da doença coronavírus (COVID-19). Os primeiros casos apareceram pela primeira vez em 1937, mas apenas em 1965 foi classificado como corona. O vírus foi batizado com esse nome após a análise que comprova o formato similar ao de uma coroa.

Em dezembro de 2019, foi descoberto na China o agente responsável pelo novo coronavírus. Com o crescente número de pessoas diagnosticadas em todo o mundo, a Organização Mundial da Saúde o classificou como uma pandemia.

O Ministério da Saúde tem recomendado diversas medidas preventivas para conter a disseminação e o aumento de infectados:  lavar bem as mãos com água e sabão ou a utilização de álcool em gel, cobrir o nariz e a boca ao espirrar ou tossir, manter os ambientes bem ventilados e não compartilhar objetos de uso pessoal. Ao tomar os cuidados, as chances de contágio e disseminação do vírus são drasticamente reduzidas.

 

Ações para controle

 

O Ministério também disponibilizou o planejamento preventivo para combater o vírus no país, o Plano de Contingência Nacional para Infecção Humana pelo novo Coronavírus. O secretário de Vigilância em Saúde, seguindo diretrizes impostas também pela OMS, explicou em nota oficial a medida emergencial.

Além das medidas de higiene, o protocolo traz a importância da quarentena e do isolamento social, que são iniciativas restritivas que visam diminuir o trânsito de pessoas para dizimar a transmissão do coronavírus. Segundo a OMS, para a contenção da COVID-19 e sustentabilidade no sistema de saúde público e privado, o isolamento social e a quarentena são de suma importância.

 

 Cuidado com a desinformação

 

Para combater a disseminação de notícias falsas que circulam na internet, o Ministério da Saúde, disponibilizou um número de WhatsApp para que a população envie as mensagens recebidas nas redes sociais e confirme se a informação é verdadeira ou falsa. O canal, exclusivo para o recebimento de informações virais, pode ser contatado no número (61) 99289-4640 e não servirá como SAC.

 

O que a Roche deseja que você saiba neste momento

 

Por aqui, ressaltamos a importância da prevenção e da conscientização de todos os cidadãos: mais do que nunca, o cuidado é a melhor forma de demonstrar respeito. Sabemos que agora é a hora de agirmos juntos. Juntos com o governo, com os profissionais de saúde e com o país.  E seguimos certos de que a solidariedade e o comprometimento nos fortalecem e nos aproximam, não há dúvidas que sairemos disso ainda mais fortes.

 

Veja outros conteúdos relacionados:
Rochecast: o paciente oncológico no cenário da pandemia COVID-19
Posicionamento Roche frente ao desafio COVID-19